O MAIS COMPLETO PORTAL DO BRASIL PARA EMPREENDEDORES

IMAGEM E SEMELHANÇA DE DEUS

De capa a capa, a Bíblia reafirma que os homens foram ‘feitos à semelhança de Deus.’ A ênfase neste ponto dá uma ideia da importância de sua conscientização.

Quando se fala em ‘direitos humanos’, geralmente as pessoas se esquecem que eles existem exatamente porque os primeiros a lutarem por eles, interpretavam a vida por essa perspectiva. Isto é, eles entendiam que a dignidade da vida e da pessoa humana está relacionada diretamente com a nobreza de sua origem; que, se o homem tem direitos natos, é porque ele foi criado por Deus.

Ou seja: o conceito de direitos humanos tem uma formatação original teocêntrica, não, antropocêntrica; daí, o valor intrínseco deste conceito! Homens e mulheres que lutaram pelos direitos humanos à partir dessa cosmovisão cristã compreendiam que a falta de respeito com a vida ou a pessoa humana não é atitude aprazível ao criador. E a partir disso, lutaram contra muitas opressões sob as quais pessoas subjugavam seus semelhantes.

Apesar do pecado, que destituiu o homem da glória de Deus, Deus continuou dando-lhe valor. Na lei de Moisés, por exemplo, o respeito ao próximo é estipulado em diversas cláusulas, como não furtar, não matar e não cobiçar nada que lhe pertença!

Interessante observar que, mesmo o homem estando no erro, Deus nunca oprime ninguém, em juízo! Ao contrário, ele até busca meios de salvar o réu e dá-lhe honesta chance de defender-se: “Desperta-me a memória; entremos juntos em juízo; apresenta as tuas razões, para que possas justificar-te”.

Contudo, não são assim os ímpios! As pessoas e os governos de natureza totalitária, são a total antítese de tudo isso. Pra começo de conversa, eles são capazes de ‘forjar o mal, tendo por pretexto uma lei”.

São velozes em subjugar todas as pessoas, principalmente aquelas que considerem um perigo ao seu totalitarismo.

Longe de se preocuparem de serem verdadeiros, corretos e puros em seus julgamentos e suas ações, “os seus caminhos são sempre atormentadores; tratam com desprezo os seus adversários”. Na vaidade de seus sentidos, acham que sua autoridade é maior do que a de Deus!

E no Brasil de 2023 estamos vendo acontecer todo esse triste estado de coisas!…

Marcelo Moreira

Administrador de Empresas